sexta-feira, 3 de novembro de 2017

O iPhone X vai partilhar dados do Face ID com os programadores



É hoje que o iPhone X chega oficialmente e que muitos vão poder finalmente ter acesso ao mais moderno e mais capaz smartphone atualmente no mercado. São muitas as funcionalidades novas, mas o destaque vai quase todo para o Face ID.

Se muitos consideram único, a verdade é que a Apple vai partilhar parte dos dados dos utilizadores com os programadores, colocando em causa parte da sua privacidade.

Desde a apresentação do iPhone que a Apple garante toda a segurança aplicada no Face ID e nos mecanismos criados para manter os dados do utilizador provados. Esta é uma ideia que já vinha do Touch ID e que vai ser melhorada nesta nova versão.

Mas o que muitos não sabem, e que agora foi revelado, é que parte dos dados do Face ID vão estar acessíveis aos programadores, tal como pôde ser visto durante a keynote, quando os animoji foram apresentados.

Os programadores vão ter acesso à representação facial dos utilizadores, para que depois as suas apps possam criar novas funcionalidades como já foi visto.


Mas para além desta informação, os programadores vão também ter acesso ao reconhecimento de 50 expressões faciais, que podem depois ser usadas. Esses mesmos dados não vão ficar guardados dentro do iPhone X e podem ser guardados pelos programadores nos seus servidores para posterior análise e utilização.

Os dados que estão disponíveis estão longe dos que a Apple tem acesso para desbloquear o iPhone X, mas ainda assim permitem que muita informação seja acedida, sem contra o consentimento dos utilizadores.

Esta situação está a levantar dúvidas e preocupações em grupos de defesa da privacidade, que temem que esses dados possam ser usados para avaliar a reação a produtos ou outro tipo de bens.


As políticas da Apple quanto a isto são firmes e proíbem que os programadores possam vender esses dados a terceiros, nomeadamente a empresas de publicidade. As pensa para quem não cumprir essas regras é a expulsão da App Store.

Mesmo com essas políticas de restrição, os grupos de defesa da privacidade norte americanos temem que a Apple não consiga controlar o que é feito aos dados, uma vez que estes estão fora do seu controlo e entregues aos programadores.

O controlo da Apple sobre as apps que estão na sua loja é elevado, mas com mais de 2 milhões ali armazenadas, existe a preocupação de que alguma possa contornar o controlo e que faça uso desta informação.

Fonte: Pplware
Partilhe esta mensagem
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...

0 comentários

:) :-) :)) =)) :( :-( :(( :d :-d @-) :p :o :>) (o) [-( :-? (p) :-s (m) 8-) :-t :-b b-( :-# =p~ :-$ (b) (f) x-) (k) (h) (c) cheer

 
© Tekkdown 22 de Julho de 2012